Turma 2007

            _____________________________________________________________________________________________________________

 

Cecília Mariano Rosa

Título: Personagens marcadas pela violência em Acqua toffana e O matador, de Patrícia Melo.

Resumo : Patrícia Melo faz parte da lista de escritores contemporâneos que utiliza como matéria-prima o cotidiano caótico dos grandes centros urbanos. A presente dissertação busca localizar os romances Acqua toffana (1994) e O matador (1995) na história literária, a partir do diálogo que estabelecem com o romance policial, o romance-reportagem e os escritos de Rubem Fonseca. Também é uma análise comparativa da formação da visão de mundo das personagens principais dos dois livros, ressaltando, além da fragmentação, a influência do sistema televisivo. Ainda comparativamente, o trabalho evidencia como a violência física é utilizada pelas personagens como produto de consumo, meio de aceitação ou forma de quebrar padrões sociais de conduta.

Data da defesa: 17/dezembro/2008

Clique aqui para visualizar a Dissertação


Deise Bastos da Costa

Título: Figurações da mulher-artista nos contos de Adriana Lunardi.

Resumo : Nesta dissertação, a partir da análise do conto "Uma biografia para Barbie", em As meninas da Torre Helsinque (1996), e de "Sonhadora", "Ginny", "Flapper" e "Clarice", em Vésperas (2002), ambas as obras de autoria de Adriana Lunardi (SC, 1964), investigo as estratégias narrativas que a escritora utiliza, a fim de iluminar questões que envolvem a arte e a artista. Situo seu discurso na confluência de três paradigmas de gênero (literário e categoria de análise) postos em tensão: oKünstlerroman de autoria feminina, a biografia ficcional ou imaginária e o conto. Examino de que modo a autora constrói retratos da mulher-artista, seja ela uma figura documentada pela historiografia oficial ou um ser possível e imaginável, no viés tanto da trajetória da protagonista-artista, quanto dos processos intertextuais e dialógicos presentes na écriture lunardiana. A ênfase na análise da representação da artista em narrativas curtas de Adriana Lunardi conduz a discussões tais como: o conflito arte versus vida, o diálogo constante entre memória e expressão artística, o corpo feminino, o processo simbólico de morte e re/nascimento, as construções literárias mise en abyme e os jogos intertextuais. Devido ao caráter bibliográfico e hermenêutico da presente pesquisa, na abordagem crítica e analítica aos textos, além dos fundamentos teóricos, utilizo documentos externos aos contos; alguns pertencem ao campo da história (biografias oficiais) e outros, ao da literatura (obras das protagonistas). A narrativa curta de Lunardi, além de inovar configurações dos gêneros literários, Künstlerroman e biografia ficcional, amplia as fronteiras dos estudos de gênero. As distintas figurações da mulher-artista nos contos instauram o diálogo entre uma grande diversidade de textos, fato que traz maior visibilidade à autoria feminina e demonstra a flexibilidade da moldura da historiografia literária brasileira. 

Data da defesa: 27/janeiro/2010

Clique aqui para visualizar a Dissertação


Fernanda Soares da Silva

Título: O cronotopo narrativo de viagem no romance latino-americano do século XX: El hablador, de Mario Vargas Llosa.

Resumo : A partir dos pressupostos teóricos de Mikhail Bakhtin, sobre o cronotopo narrativo e seu papel na evolução dos gêneros narrativos, de Roberto González Echevarría, de Ángel Rama e das propostas do projeto "Escritas do entre-lugar: poética da viagem na literatura latino-americana da alta modernidade", que se desenvolve no PPG-Letras, da FURG, focaliza-se nessa dissertação o estudo do romance "El hablador" (1987), do escritor peruano Mario Vargas Llosa. Esse romance faz parte de uma modalidade do cronotopo narrativo de viagem, em que a própria viagem se autodeclara escrita, privilegiando o próprio ato de contar como única realidade do relato. Estudam-se, em consequência, as características desta tipologia narrativa na singularidade da obra e o que ela estaria colaborando para a caracterização deste cronotopo, na narrativa latino-americana, do século XX.

Data da defesa: 5/agosto/2009

Clique aqui para visualizar a Dissertação


José Antônio Klaes Roig

Título: Autobiografia de Erico Verissimo: a consciência do fazer literário.

Resumo : A presente pesquisa dissertativa tem por objetivo tratar da autobiografia "Solo de clarineta" de Erico Veríssimo e, em especial, o volume I, concluído em vida. Visa analisar a construção de seu relato de vida semelhante ao seu fazer literário, sob enfoque das "Poéticas do espaço e do devaneio", de Gaston Bachelard, e outros autores.

Data da defesa: 19/março/2010

Clique aqui para visualizar a Dissertação


Leonardo da Silva Alves

Título: A profusão metapoética em Faustino.

Resumo : Análise da obra do poeta piauiense Mário Faustino à luz dos textos teóricos que tratam da questão da lírica, objetivando destacar os procedimentos e temáticas adotadas em sua consecução artística. Além do exame do conjunto de sua produção, constituída de "O homem e sua hora" e "Outros poemas", faz-se o levantamento de sua fortuna crítica e o recorte temático da metalinguagem, uma configuração recorrente na sua produção.

Data da defesa: 21/dezembro/2009

Clique aqui para visualizar a Dissertação


Lígia Dalchiavon

Título: A ficção da viagem em Vigília del almirante, de Augusto Roa Bastos.

Resumo : As representações da viagem na literatura latino-americana do século XX é o tema do projeto no qual se insere esta dissertação. Partindo da perspectiva teórica desse projeto maior, singularizo minha análise no romance "Vigilia del Almirante" (1992), do escritor paraguaio Augusto Roa Bastos. O tema da viagem em suas tradicionais relações com a mentira e com a criação de mundos ficcionais percorre, nesta obra de Roa Bastos, o caminho aberto por Cervantes quatro séculos atrás, dando continuidade também ao modelo compositivo do cronotopo de viagem que institui o mestre manchego com "El Ingenioso Hidalgo Don Quijote de la Mancha" (1605). Embasada na teoria cronotópica, proposta por M. Bakhtin estudo a continuidade de uma tradição narrativa, na mesma medida que distingo as contribuições da obra de Roa Bastos à literatura latino-americana da contemporaneidade.

Data da defesa: 4/agosto/2009

Clique aqui para visualizar a Dissertação


Maria Carolina Souza Silveira

Título: A crítica pós-colonial e o romance de Eça de Queirós.

Resumo : José Maria Eça de Queirós é considerado um dos maiores escritores lusitanos por conceber romances capazes de aferroar a sociedade portuguesa através da descrição fiel dessa somada ao sarcasmo de sua linguagem. Nessa perspectiva, as análises decorrentes de seus textos costumam voltar-se para esta realidade corrompida, na tentativa de dissecar seus aspectos, recaindo, inevitavelmente, em assuntos como o casamento como instituição falida, o adultério, as mulheres representando o pecado e a perdição, e o incesto. Porém, o foco desta dissertação afasta-se um pouco desta linha de pesquisa. Dois romances do escritor, "O primo Basílio" (1878) e "Os Maias" (1888), serão utilizados como um instrumento para o exame do português do século XIX nas suas relações com a pátria, com suas colônias e colonos, da visão negativa acerca do próprio país, da cobiça em relação a outros países europeus e da necessidade do colonizador português caracterizar o seu colonizado como selvagem. Trata-se de um novo recorte, direcionado pelos estudos pós-coloniais, que visa valorizar ainda mais as obras do escritor português, a partir deste recente referencial teórico que são os estudos culturais.

Data da defesa: 28/janeiro/2010

Clique aqui para visualizar a Dissertação


Reinaldo Araújo de Moura

Título: O alvorecer do Naturalismo na prosa do Rio Grande do Sul: Paulo Marques e Vênus ou o dinheiro.

Resumo : A presente dissertação de mestrado em História da Literatura objetiva resgatar e analisar a obra "Vênus ou o dinheiro", do escritor pelotense Paulo Marques (1857-1884), publicada originalmente como folhetim no jornal "Onze de Junho" entre 8 de julho e 9 de outubro de 1881 e republicada em livro, em 1885, após a morte do autor. E, ainda, resgatar dados sobre a bibliografia do escritor e a sua atuação no sistema literário gaúcho como o primeiro prosador naturalista do Rio Grande do Sul. Segundo Guilhermino Cesar (1971, p. 331-332), trata-se do "romance mais atrevido de quantos se publicaram no século passado, em terras do Rio Grande". O enfoque buscará perceber como se articulam os dados sócio-históricos na obra que em diversas passagens critica a monarquia, a igreja católica, a educação brasileira e os casamentos por interesse, pensando esse romance no contexto da produção literária do final do século XIX. 

Data da defesa: 24/novembro/2009

Clique aqui para visualizar a Dissertação


Sara Maria Maio Ezedin Pinho

Título: Visões de criança, história de adultos: uma leitura de Fault Lines, de Nancy Huston.

Resumo : "Fault Lines" (2007) de Nancy Huston apresenta um novo caminho para os estudos no campo do entrecruzamento entre a história e a ficção. As duas formas narrativas intercambiam seus modos de lidar com o tempo, mas a infância ainda não fazia parte dessas correspondências. Nas narrativas de quatro crianças de seis anos da mesma família, porém, em épocas e lugares diferenciados, adentramos a história maior sob uma perspectiva infantil. De 2004 a 1945, o tempo presente se torna passado e as linhas de falha de cada personagem se tornam evidentes. Sol, Randall, Sadie e Kristina redimensionam a história dos adultos e revelam, através da ficção, uma nova forma de olhar o tempo pretérito.

Data da defesa: 27/janeiro/2010

Clique aqui para visualizar a Dissertação


Sylvia Ayres Cirne

Título: Lya Luft no espelho da Secreta mirada.

Resumo : Esta dissertação é uma leitura interpretativa de "Secreta mirada", de Lya Luft. Com esse propósito, inicialmente ofereço um panorama da teoria da autoficção e sua poética. Na leitura da obra de Lya Luft, apresento uma visão de conjunto do texto, aprofundando na sua temática, composição e hibridez genérica. A análise textual tem como centro a autoficção, assim como as estratégias ficcionais utilizadas pela escritora gaúcha nessa obra de originalidade discursiva e estética, que se configura como um olhar para dentro de si mesma e do mundo.

Data da defesa: 14/maio/2009

Clique aqui para visualizar a Dissertação


Taíse Neves Possani

Título: Ana Miranda, leitora de Clarice Lispector.

Resumo :  A novela "Clarice" (1996), de Ana Mirada, completa o conjunto de obras nas quais a narradora fabula a vida de autores do cânone literário brasileiro. Com essas ficções, Miranda enquadra-se em uma tendência da literatura contemporânea que cria biografias ficcionais de escritores ou artistas. Nesse sentido, a presente dissertação integra um comentário das obras de Miranda enquadradas no gênero metaficcional historiográfico e uma leitura interpretativa de "Clarice", foco deste estudo. Para tanto, são pensadas questões relativas à literatura e sua relação com a história. Logo, apresenta-se uma visão de conjunto das narrativas de Ana Miranda que tematizam a história da literatura brasileira, aprofundando-se nos conceitos de ficção, metaficção e metaficção historiográfica. No contexto geral, relativo aos problemas de tipologia e poética narrativa, desenvolve-se a análise literária de "Clarice", encaminhando a leitura para a constituição da obra, sobretudo no que tem a ver com suas estratégias intertextuais, no caso presente, a ficção de Clarice Lispector, o que motiva a reflexão em torno da escrita e da leitura literária. 

Data da defesa: 15/maio/2009

Clique aqui para visualizar a Dissertação


Thiago Porto Oleiro

Título: As vertentes temáticas na contística de Sergio Faraco.

Resumo : Sergio Faraco destacou-se na literatura brasileira pelo panorama social que apresenta em seus contos, retratando o indivíduo sul-rio-grandense tanto do campo quanto da cidade. Assim, traz à luz homens em conflito com a identidade cultural gaúcha bem como a desumanização do indivíduo no espaço urbano. Porém, a literatura do escritor vai além do mero regionalismo e esquadrinhamento dos problemas sociais. Faraco é reconhecido, também, pelo caráter universal de seus contos, presente mesmo naqueles que focalizam mais a fundo o espaço rural do Rio Grande do Sul. O presente trabalho de dissertação tem por objetivo a análise da obra "Contos completos", de Sérgio Faraco, publicada em 1995 e reeditada 2004, considerando-a no âmbito da série literária sul-rio-grandense e, nessa perspectiva, identificando o lugar ocupado por sua contística no plano da referida série. Para tanto, a investigação vem apoiada na fortuna crítica existente a respeito da obra do contista sul-rio-grandense, bem como na Teoria da Literatura, especialmente no que diz respeito ao gênero conto. Nesse sentido, o trabalho realizado por Gilda Neves da Silva Bittencourt, em seu livro "O conto sul-rio-grandense: tradição e modernidade" (1999), é utilizado como guia principal para a análise da obra de Faraco, especialmente em suas vertentes temáticas.

Data da defesa: 29/janeiro/2010

Clique aqui para visualizar a Dissertação